Pitstop - Caique Silva

Nakata adota práticas sustentáveis

Vários processos na fabricação e novas tecnologias de pintura de peças, além de coleta seletiva de resíduos sólidos, reciclagem e reuso de água garantem economia do consumo de recursos naturais

Na fábrica de amortecedores, em Diadema-SP, a Nakata adota medidas sustentáveis em diversos processos de produção desde a implantação da coleta seletiva de resíduos sólidos, envio de material para reciclagem (plástico, papel, metal, vidro), reuso/reaproveitamento de água de tanques de enxágue no lavador de gases (cromação), substituição de lâmpadas fluorescentes por LED, envio de resíduos sólidos para co-processamento, redução do envio de resíduos sólidos para aterro sanitário, controle de indicadores (consumo de água e energia elétrica).

Segundo Carlos Moura, que acaba assumir a gerência de manufatura, a empresa busca ampliar o alcance das ações de sustentabilidade e que os planos diretor e estratégico contemplam investimento em novas tecnologias mais limpas, diminuindo a geração de efluentes e resíduos e o uso de recursos naturais. “Também implementamos projetos de otimização de processos industriais, como a implantação de novas tecnologias de pintura de peças, através da nanotecnologia, que contribuem para a minimização da geração de resíduos sólidos e efluentes industriais. Além disso, temos uma série de iniciativas de incentivo do uso racional e/ou de economia do consumo de recursos naturais”, destaca o gerente e engenheiro indust rial mecânico, com experiência de 30 anos em gestão de operação fabris no setor de autopeças.

Moura revela que a fábrica adota a metodologia Lean Manufacturing para promover e implementar projetos de melhoria contínua com foco em sustentabilidade. “O trabalho de evolução é permanente e prioritário em nossa empresa, porém sempre de maneira sustentável”, garante o gerente.

A fábrica possui a certificação do SGI - Sistema de Gestão Integrado que inclui: ISO9001-Gestão de Qualidade, ISO14001- Gestão de Meio Ambiente, OHSAS18001- Gestão de Saúde e Segurança.

 

comentários
Avaliar:

Comentários